clear

Brüderkrieg: guerra civil e o início do fim da unidade do Império Carolíngio

Na documentação oriunda do século IX, a batalha de Fontenoy (841) e seu contexto mais amplo, a guerra civil que envolveu Lothar I, Luís o Germânico e Carlos o Calvo, a assim chamada Brüderkrieg ou Guerra entre irmãos, são vistas como marcos da dissolução do Império Carolíngio. Nosso artigo tem como objetivo reexaminar as evidências textuais (como os Anais de St. Bertin, os Anais de Fulda, as Histórias de Nithard e Versus de bella quae fuit acta Fontaneto de Angelbert) e iconográficas (como as contidas no Codex Perizoni F 17 e no Codex Sangalensis 22) à luz de análises ligadas a temas como os padrões da Cultura Política desenvolvida no Império Carolíngio, especificamente no que diz respeito à continuidade da Ideologia imperial e dos destinos da Aristocracia Imperial criada por Carlos Magno e estilhaçada durante as guerras civis, que nos permitiu alcançar conclusões muito divergentes das já consolidadas acerca do dito declínio do Império Carolíngio.

Citação completa

ARAUJO, Vinicius Cesar Dreger de. Brüderkrieg: guerra civil e o início do fim da unidade do Império Carolíngio. Veredas da História, [online], v. 8, n. 1, 2015, p. 4-33, 2016.